15 de out de 2009

Doce Ilusão

Sonhava acordado
De olhos fechados
Sob o efeito de seu perfume
Imagino o Sol a lhe acariciar a pele
Aquecendo a alma em meio ao inverno
Imaginando seus lábios em meus
Pura essência
Perfeita ilusão
Impossível paixão

Enquanto sonhava
Esqueci do mundo em ruínas
Sonhando a beleza desse amor
Doce ilusão
Engana meu coração

E depois
Volto a minha vida de solidão


Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *

0 comentários:

Postar um comentário