26 de mai de 2010

Mães!

Que seria de nós
Se não fossem nossas mães
Mães!


Por Vitor C. Ramos


* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Manhã de Verão

Milhares de corpos
Estirados no chão
Centenas de pássaros
Na espera por uma sobra
O Sol das dez
A aquecer a pele
O que se passa
Não é uma chacina
Mas uma manhã de verão
Simples manhã de litoral


Por Vitor C. Ramos


* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Contador

Sou contador
De histórias
De memórias
De rosas
De horas


Conto o que vejo
Para tentar apressar o tempo
Pois meu maior vício
Contador que sou
É contar os segundos
Quando ao seu lado não estou


Por Vitor C. Ramos


* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

23 de mai de 2010

Falta do Coração

A falta que faz meu Coração
Me faz acordar distante
E minh'alma em aflição
Saudade

Por falta de Coração
Não esmaecerei
Pois não me falta saudade
Não me falta paixão
Mas pela falta
Estarei sempre a pensar
No Coração
À quem tenho zelo

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

8 de mai de 2010

Mude

Mude
As cadeiras do lugar
A sua sala de estar
Mude seu jeito de pensar


Quando amar não saciar
Seus desejos da alma
E suas lágrimas secarem
Mude


Antes que o tempo pare
Antes que você se acomode
Antes que você deixe de viver
Mude


Mude por prazer
Mude para viver
Mude só por mudar
E quem sabe recomeçar
Mude


Por Vitor C. Ramos



* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

5 de mai de 2010

Derretendo

Hoje amanheci sem querer acordar
E meu coração cheio
Derretendo
Pelo fogo em meio a chuva
E as poucas palavras que nele estão
Ficam melhores quando estão a dois
Ditas por debaixo daquela paixão
Sussuradas baixo para que os outros não ouçam

Por Vitor C. Ramos


* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Bilhete de loteria

Agora
Que algo amargo me engasga
Esta palavra presa na garganta
Me fere a alma
Me atordoa
Como é difícil me manter calado
Mas como faço
Para ser escutado?


Hoje escrevo com desleixo
Sobre as coisas da vida
Já que elas ficaram engasgadas
As palavras
Escrevo num bilhete de loteria
O que me atordoa
E deixo no balcão do butequim


Por Vitor C. Ramos


* Se copiar, favor divular a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

3 de mai de 2010

Regras?

Que regras existem no amor?
Para que me digam que estou errado?
Como é amar correto?
Como é amar do jeito certo?


Por Vitor C. Ramos


* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>