27 de fev de 2010

Falta

Minhas poesias mais frágeis
Meus versos vazios
Desertos de você
Nas comparações mais vagas
De uma mente congelada
Comparo-a com o mar
Com as estrelas
E as sereias

Você não é rosa
Você é venenosa
Uma cobra
Como dizem, malvada
Me roubara
Como as paixões
As palavras
Traiçoeira
Com seus cordões
Me condena
A esta eterna espera

E eu ja não sinto nada
Nada mais do que falta
Das palavras sinto falta
De seus olhos sinto falta
De seus beijos sinto falta
A falta de você que não volta

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

24 de fev de 2010

Meu coração

Meu coração
Não sei porque
Parece um realejo

Meu coração
Não sei porque
Te ama
Te odeia
E sente saudade

Meu coração
Não sei porque
Você se foi
E nunca mais voltou

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Noite de estio

Teu corpo quente
Seu rosto em minha mente
Naquele espaço estreito
Unindo a gente
Me deleito em seu beijo
Seu corpo inteiro
Nesta noite quente
Noite de estio

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

23 de fev de 2010

Saudade

Saudade
Do que deixei
Saudade de você
Que amei
Por todas as noites deste verão
E se depender de saudade
Outono
Inverno
Primavera
Verão
Passarão
Cheios de saudade

Quero muita saudade
Pra matar com beijos
E saudade
Que me engole
Hoje e ontem a noite
Quando você se foi
E meu amor ficou
Com gosto de saudade
Com gosto de sua boca
Saudade que faz bem
Saudade de quem tem
Amor por alguém

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

21 de fev de 2010

Era um anjo

Era um anjo
Não tinha asas
Muito menos uma auréola
Mas me fizera flutuar
Me livrou de meus pensamentos
Despido de toda razão
Ouvi meu coração
E ele gritava de emoção
E ele gritava de paixão
É Ela!
É Ela!

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Poetas Passados

Quem dera eu escrevesse meu amor
como escreveram os poetas de épocas passadas
que escreveram em papel marcado
escreveram com seu amor guardado
amando em sonho
paixões silenciadas
acordando para escrever amores perfeitos
com finais imperfeitos
seu despertar

Por Vitor C. Ramos

* se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Carta de um tolo

Em minha mente
De secas imagens
Ruínas de amores passados
Sonhos de ontem esquecidos
Começou num pequeno espaço
Que uma lágrima me roubara
E escorrera por meu rosto
Me tocando a alma
Na direção de meu remendado coração
E enquanto me ganhava
Seu espaço aumentava
A cada beijo que me dava
Mais me entregava
A essa paixão
A essa mulher
Pura como a lágrima
Que junta as peças de meu coração

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Liberta

Ouça
Esse coração que pulsa
Paixão
A tanto guardada
A tanto escondida
Até então
Perdida

Ouça
Canção dos tolos
Paixão
Para todos
Em todos
Vezes perdida
Então encontrada
Liberta

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

17 de fev de 2010

Tempo Eterno

Tempo que passa
Tempo pouco
Tempo que não mata minha saudade
Tempo que não passa
Tempo eterno dos amores
Tempo eterno para os amantes

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

10 de fev de 2010

Desejo

Seu beijo quente
Molhado
Molhado de gente
O molhado da gente
Molhando teu corpo quente
Teu corpo ardente
Como essa paixão
Do beijo quente
Do calor dos corpos
Do meu desejo
Seu corpo
Seu beijo
Desejo você inteira
Hoje
Amanhã
Minha vida inteira
Nos dias frios
Nos dias quentes
Até mesmo em meus sonhos
A desejo sempre

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Beijo

Aquele gosto
Gosto de boca
De prazer
Paixão
Vermelhos
Meigos
Beijos

Desejo
Seu melhor beijo
Beijar sua boca
Seu pescoço
Sua nuca

Beijo de noite
Beijo de dia
Beijo de flor
Beijo de amor

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *

Leia tudo >>

9 de fev de 2010

Caminho

De janela a janela
Pela parede
Pela escadaria
Calçada
Corre pela rua, atravessa

Corre pela rua, atravessa
Calçada
Pela escadaria
Pela parede
De porta a porta

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Juliana

Que belo são seus olhos
Encarando os trilhos

Que belo seu cabelo
Desajeitado ao vento

Que bela sua roupa
Marcada pelo tempo

-Juliana, pare de paquerar o maquinista!

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *

Leia tudo >>

Poema em branco











!!!

Por Vitor Cruz Ramos

* se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Menina Branca

Menina Branca
Que vai trazendo?

Trago meu lamento

Menina Branca
E fala de que lamento?

Lamento sua falta de sentimento

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>

Joaninha

De cara no tapete
Posso te ver correndo
Ponto vermelho
E preto
E vermelho
E preto
Vai fugindo do meu dedo
Com medo
Leva boas novas
Deixa minha sorte
Pequena Joaninha

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *
Leia tudo >>