31 de out de 2013

Revelia

A revelia
Um severo coquetel

A noite abrevia
Ao som de horrores

Flutuando
Tua boca

Sempre demais amor
Desamor

Raiva e dor
Fez de mim indolor

Era incolor
Tudo

Tudo mesmo
É você

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *





0 comentários:

Postar um comentário