22 de mar de 2010

Versão francesa

E eu aqui com papel e caneta
Tentando escrever um tipo francês do poema
Aquele que se passa em minha cabeça
Quando sinto seu perfume
Quando olho em seus olhos e sinto com todas as letras
Aquele sentimento engraçado
Que como se eu tivesse numa queda livre
Da aquele friozinho na barriga
E meu coração dispara
Poema das palavras que sussurramos
Uma versão francesa
Do poema de nossa paixão

Por Vitor C. Ramos

* Se copiar, favor divulgar a autoria. Obrigado ! *



0 comentários:

Postar um comentário